sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

Sexta - feira, 15, com cara de 13.

Sabe quando você se depara com um problema tão grande, mas, tão grande que você começa a tremer? As mãos, pernas, joelhos. O cerébro passa a pensar rápido numa solução e nada parece razoavel, então você desliga o telefone, e de uma ligação aos berros com um ser incompetente, você faz outra ligação, para sua cliente, e precisa sorrir, acalmá-la, garantir que tudo dará certo, quando na verdade está desesperada, porque nada parece ir como deveria. Aí seu estômago começa a tremer também.

3 comentários:

Luli disse...

Oi Andrea,
Faz tempo que acompanho teu blog, mas nunca comentei. Hj após ler tua sexta-feira 15 com cara de 13, me identifiquei dmais, não sei o que exatamente aconteceu com vc, mas a minha tb foi de muito choro, tb me estressei com pessoas incopetentes que trabalham comigo e deixam tudo para eu resolver. Mas dp do final de semana, fiquei mais tranquila, tudo passa e nada melhor do que um dia dp do outro. Espero que esteja melhor e que consiga resolver tuas encrencas. Um abraço.

Marcelle disse...

OI querida, td bem? Minha sexta 15 tb foi 13... Credo, que horror heim??? Não merecemos isso... Beijão

Andrea Nunes disse...

Luli,

seja bem vinda, pois é menina, a bruxa tava solta então...

marcelle, claaaaaaaaro que não merecemos!

beijos